09 junho 2013

Isolamento.

Eu nunca fui muito de sair, gosto de ficar em casa, dos meus livros, filmes, eu sou preguiçosa, é feio falar isso,mas acho chato conversar com as pessoas,e ficar procurando no meu cérebro assuntos legais para falar. Tentei ir no cinema essa semana,um dos poucos lugares que gosto de ir, mesmo sendo dentro do horrível shopping dessa cidade, e tipo não conseguir,filas enormes e aquele blá blá blá, meu braço não para de coçar, eu fiz uma tatuagem e ela não para de descascar,é nojento.

O meu bolo de fubá não deu certo, o frio chegou em São Carlos, as minhas amigas que considero amigas não me ligam mais,e fico pensando... Será que devo fazer novas amigas? Definitivamente não sei como fazer isso,é complicado demais,e não vejo pessoas parecidas ou criticas para ter amizade,aquelas amizades de ir para festas e só ligar no final de semana me deixam com medo.Eu queria amigos que discutissem comigo,e soubessem realmente sobre mim.

Só tenho me interessado por desenhos,maquiagens e essa banda Black Label Society,não ando nada criativa e pouco carente, faz meses que não choro pela morte do meu pai, sinto falta disso,chorei por 20 anos e fico pensando se a dor foi embora mesmo... Hoje é o fim da temporada de Game of Thrones e isso me deixa triste porque vou esperar meses para ver a nova temporada,mas enquanto isso vou me divertindo com Supernatural. Hoje fiquei imaginando... Será que existem pessoas que conseguem ver assassinatos com antecedência? A dor de alguém morrendo deve ser terrível...


Minha fidelidade é testada todos os dias,é tão complicado trair as suas vontades para fazer o que é certo perante todos. O meu certo nunca vai brilhar  se eu continuar assim.

2 marteladas:

wagner disse...

Te entendo... Te entendo muito bem... Na verdade minha vida inteira é uma mentira, estou passando a minha vida inteira tentando ser alguém que não sou, alguém que agrada a todos, menos a mim mesmo.

Nathalia Almeida disse...

Tenha coragem,tire 20 segundo de insanidade,e seja você...